quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Ministro da Cultura participa do lançamento do Festival da Rabeca e do Festluso

Ministro da Cultura participa do lançamento do Festival da Rabeca e do Festluso

A solenidade contou com a presença do Ministro da Cultura, Juca Ferreira, do governador Wellington Dias e do Secretário de Cultura, Fábio Novo, dentre outras autoridades.

LUIZ CARLOS JÚNIOR, DO GP1
Atualizada em 18/08/2015 - 16h23
 Foi lançada nesta terça-feira (18), no Palácio de Karnak, a 8ª edição do Festival da Rabeca e a 6ª edição do Festival de Teatro Lusófono – Festluso. A solenidade contou com a presença do Ministro da Cultura, Juca Ferreira, do governador Wellington Dias e do Secretário de Cultura, Fábio Novo, dentre outras autoridades e representantes da classe cultural. 
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas
O deputado estadual licenciado e atual Secretário de Cultura, Fábio Novo, ressaltou a importância do festival para o fomento da prática do instrumento e destacou o crescimento do evento no decorrer de suas edições. 
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Secretário Fábio Novo
“Essas rabecas desses meninos já são confeccionadas por eles em Bom Jesus, onde nós temos um professor permanente, a primeira escola de rabecas do Brasil. Nós fizemos uma pesquisa onde constatamos que há mais de 300 anos a rabeca é tocada na região sul do Estado do Piauí e formalizamos o festival que ganhou, inclusive, dimensão internacional. Ano passado nós recebemos rabequeiros de 12 estados do Brasil, Portugal, Espanha e África”, destacou o secretário. 
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Ministro Juca Vieira 
O ministro da Cultura afirmou que o Ministério sempre apoiará manifestações que visem preservar a identidade cultural dos estados. “É importantíssima a preservação do patrimônio, tanto material quanto imaterial e o Piauí é um dos Estados que têm uma densidade cultural forte e é preciso apoiar o Governo do Estado e as Prefeituras”, destacou o Ministro. 
Wellington Dias destacou que a cultura deve ser pensada para além do resgate do patrimônio histórico, mas como geradora de divisas para o Estado. 

“Nós pensamos a cultura não só como resgate do nosso patrimônio histórico e tudo mais que traga o sentimento de alto estima, mas cultura também como desenvolvimento econômico”, afirmou. 
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas
Imagem: Lucas Dias/GP1Lançamento Festival das Rabecas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Lançamento Festival das Rabecas

Nenhum comentário:

Postar um comentário