domingo, 7 de novembro de 2010

Encontro Internacional em Teresina discutirá intercâmbio entre os 8 palcos lusófonos


Primeira edição aconteceu em Coimbra. Evento acontecerá dentro da programação do Festival de Teatro Lusófono.

O Festluso, Festival de Teatro Lusófono, vai para a sua 3ª edição este ano e dará mais um passo no sentido de contribuir com a integração dos países falantes de Língua Portuguesa. De 15 a 17 de novembro, acontece, dentro da programação do festival, o 2° Encontro Internacional sobre Políticas de Intercâmbio na CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa).

O evento vem dar continuidade ao encontro realizado em Coimbra em dezembro de 2009 e mantém como objetivo principal: estimular o diálogo entre agentes culturais e instituições oficiais quanto à concepção, à planificação e à concretização das políticas de intercâmbio cultural no seio da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Para o efeito, estão convidados os participantes do I Encontro e outros agentes do Brasil e de mais 5 países.

Neste momento, estão já confirmadas as participações de Zulu Araujo, presidente da Fundação Palmares do Ministério da Cultura do Brasil; Açí Campelo, diretor da Escola de Teatro Gomes Campos; João Branco, diretor do Festival Mindelact (Cabo Verde); Almir Martins, responsável pelo Festival de Teatro Português de São Carlos (SP); Anacleta Pereira, pelo Festival de Artes de Luanda (Angola); Creusa Borges, diretora do Circuito de Teatro Português de São Paulo; Alexandre Santini, do grupo de teatro Tá Na Rua; Márcio Meirelles, secretário da Cultura da Bahia; Augusto Barros, Cena Lusófona (Coimbra – Portugal); Ánxeles Cuña Bóveda, Sarabela Teatro (Galicia – Espanha); Cândido Pazó, ator do Sarabela Teatro; Naní Pereira, do Festival de Artes de Luanda (Angola) e Ayres Major, do Centro Cultural de Intercâmbio de São Tomé e Príncipe.

Os trabalhos estão organizados em quatro mesas-redondas: "Festivais de Teatro e circulação de espetáculos: o encontro como base para o conhecimento", "Formação cruzada: enriquecer com a diversidade", "Co-produções: juntar forças e diferenças" e "Comunidade artística e poder político: fórmulas para o diálogo". O público pode assistir às discussões e acompanhar as conclusões desses dias de debate.

Patrocinado pela Oi e com apoio da Oi Futuro, Ministério da Cultura, Siec e Funarte, o FestLuso 2010 acontece de 15 a 21 de novembro com programação inteiramente gratuita nos teatros 4 de Setembro, Estação e João Paulo II.

Nenhum comentário:

Postar um comentário